O Chefe do Cartório Eleitoral da Zona 139, Luiz Moreira, diz que as denúncias devem ser encaminhadas, de preferência, por escrito a partir do site do Tribunal Regional Eleitoral. Segundo ele, até o momento, foram feitas cerca de 15 denúncias. Luiz ainda diz que, em cada eleição, muda a zona eleitoral responsável pelas denúncias.

 

O porta voz do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) em Ponta Grossa, Ermar Toniolo, afirma que neste ano houve uma diminuição do número de denúncias. “Há certa timidez, receio de denunciar, com medo de passar por perseguições e ameaças”.

Ele explica que a denúncia deve ser documentada. “Para isso, é necessário ter uma foto, um áudio ou um vídeo, que comprove o que se está denunciando”, completa Ermar.

As denúncias podem ser encaminhadas nos sites da OAB e do TRE.