Praça Jacob Holzmann localizada na região do Colégio Estadual Dr. Epaminondas Novaes Ribas é ponto de encontro e oferece serviços de lazer e saúde para moradores da região. O constante despejo de lixo na praça preocupa pais e idosos que utilizam o complexo.

 A praça conta com parque de diversão infantil, ginásio esportivo, academia popular e posto de saúde. Entre cacos de vidro, copos plásticos, maços de cigarros vazios e sacolas de lixo, crianças e idosos brincam e se exercitam, tentando utilizar o espaço público da melhor maneira possível.

O lixo encontrado aos arredores da praça é resultado da falta de estrutura da praça, conforme explica Solange Dias, usuária da praça. “O que a gente encontra aqui é lixo de quem vem utilizar a praça. Uma praça tão grande e que muitas pessoas usam não tem nenhuma lixeira, aí o lixo vai parar no chão mesmo”, diz Solange.

Verônica Ribas moradora vizinha do complexo, conta que várias iniciativas foram feitas para tentar resolver o problema. “Antes um grupo de senhoras tentava manter a praça limpa varrendo, mas é muito trabalho pra ser feito sempre. Eu mesmo tento policiar um pouco, sempre estou observando se tem gente jogando lixo ali, mas não posso fazer sempre”, lamenta Verônica.

Segundo a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, regularmente são abertas licitações para a contratação de serviço de limpeza de locais públicos. A Secretaria não se pronunciou sobre a sujeira encontrada na praça, mas disse que faz o possível para manter os locais públicos em ordem.

Arquivo Comunitário:Buraco em rua impede circulação de moradores da Vila Palmeirinha